Pela primeira vez Impostômetro da ACSP marca R$ 2,2 trilhões.

Pela primeira vez Impostômetro da ACSP marca R$ 2,2 trilhões.

166
0
COMPARTILHE

Valor foi registrado pelo painel na quinta-feira (06/12/18), às 7h35; projeção para 2018 é de R$2,388 trilhões, um aumento nominal de 9,98% (ou aumento real de 5,55%, descontada a inflação) em relação a 2017.

Nessa quinta-feira (06/12/18), às 7h35, o Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP) bateu um recorde: chegou à marca de R$ 2,2 trilhões de tributos pagos pelos brasileiros desde o primeiro dia do ano. É a primeira vez que essa cifra é alcançada desde que o painel foi implantado, em 2005. O valor corresponde ao total arrecadado por União, estados e municípios na forma de impostos, taxas e contribuições.

Para todo o ano de 2018 a projeção é de que o montante chegue a R$2,388 trilhões, o que representa um aumento nominal de 9,98% (ou aumento real de 5,55%, descontada a inflação) em relação ao ano passado, quando o Impostômetro marcou R$2,172 trilhões.  

Cassio Jamil Ferreira – Presidente                                       

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA